A advogada e nordestina Marília Veloso escreve ao ex-presidente Lula: “Todo mundo sabe que sua “condenação” foi construída por um sistema jurídico patológico e em afrontoso surto de ativismo político, ideológico e partidário. Você é refém de um poder togado que tentou roubar, além de sua liberdade, seu direito de ser pessoa, emudecendo sua voz e destituindo sua condição de sujeito histórico singular”.
Na coluna Política e Direitos, semanalmente, professores, advogados populares e juristas trazem análises que refletem as preocupações e inquietações com a situação política e jurídica do Brasil e do mundo.

Fechar Menu